quinta-feira, 24 de março de 2016

Euzinha, Técnica de Recursos Humanos

Para além das 37 funções que acumulo na empresa onde trabalho, foi-me recentemente incutida mais uma: Técnica de Recursos Humanos. Somente técnica, porque Director é sempre o meu patrão.

Parece que finalmente vou deixar de ser funcionária única, e vou ter um/uma colega. Isto parece-me muito bem, não só porque me vai libertar de alguns dos 100Kg de trabalho que tenho em cima e que me está a levar aos poucos o pouco que me restava de sanidade mental, mas também porque o ambiente entre mim e as minhas outras colegas (fotocopiadora, impressora e máquina de café) não tem andado lá muito bom. São muitos anos de convivência diária sabem? Uma pessoa fica saturada. 

Mas bom, estou a dispersar-me como é habitual. O que eu vinha aqui partilhar com vocês, são alguns apontamentos que tenho retirado em relação a esta minha nova função: 

- Em 24horas recebi uns 40 Cv's;
- Ao todo uns 100;
- Vou retirar o anúncio, não aguento mais isto;
- 30 não se enquadraram porque o Português de 35 anos do Porto lê Estágio Profissional em Cascais, e envia o Cv na mesma;
- São todos muito pró-activos, determinados, trabalhadores e dinâmicos mas é só até se aperceberem que Cascais não é perto da Damaia, muito menos de Almada, e que os € 600 que vão levar para casa não vão valer o esforço;
- Todos me tratam por Drª, gosto; 
- Sou uma Drª querida, que responde a todos os candidatos, informando que recebemos o Cv e que daremos uma resposta em breve. Faço-o porque já estive do outro lado e irritava-me só muito raramente obter um feedback. Esta parte sobre ética e profissionalismo não se deve dar na licenciatura de Recursos Humanos, presumo. Ou então faltaram todos à aula em que se falou sobre isso. 
- Houve uma candidata que se limitou a reencaminhar, repito, reencaminhar, o e-mail que tinha enviado para um outro processo de recrutamento. Esse e-mail por sua vez já vinha de outro reencaminhamento. Ainda colocou um textinho no corpo do e-mail, para não parecer mal, mas guess what? igual ao texto dos outros dois, e-mails, claro.
- Há quem comece e-mails com: Saudações
- Há quem debite um rol de características, e que no fim, e ainda por cima a vermelho escreva: Indisponível, porém, para estágios ao abrigo de programas do IEFP.
- Quando enviava CV's raramente escrevia uma carta de apresentação a não ser que mo pedissem. Ainda bem que nunca o fiz, pelo menos porque, neste meu processo de selecção, não li nenhuma das que me foram enviadas. Presumo que seja igual nos outros departamentos de Recursos Humanos.
- Muita giro ver todos eles a descreverem as principais características da empresa onde trabalho. Onde as terão ido buscar? Ninguém nos conhece.

10 comentários:

  1. Isso é resultado das pessoas, desesperadas, paparem tudo quanto seja "10 formas de enviar um currículo", "15 coisas que nunca deve escrever numa carta de apresentação" e afins xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah sim, algumas são mesmo pessoas desesperadas a ver se pega.. porque houve muitas que nem ao longe se enquadravam no perfil!

      Eliminar
  2. Espera ate começarem as entrevistas! Deve ser giro...
    Eu faço sempre um dois parágrafos de motivação no email qd envio cvs!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. dois paragráfos parece-me aceitável. Já sabes como correu tudo, entrevistas só houve duas ;)

      Eliminar
  3. Pessoalmente acho importante o que escreveste no último parágrafo, significa que pelo menos perderam tempo a ver para onde e o quê se estão a candidatar e lhes interessa fazê-lo, se forem ás cegas não será uma perda de tempo para todos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei até que ponto é que perderam tempo a ir ver o site da empresa, sabes? Acho que se limitam a escrever o mesmo para todas as empresas para onde enviam CV's.

      Eliminar
  4. Acho muitíssimo bem a parte de dares feedback! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. não faças aos outros...... tu sabes o resto :)

      Eliminar
  5. Adorei a parte "Vou retirar o anúncio, não aguento mais isto" ahahahah!
    Tenho sempre curiosidade em conhecer o lado do recrutador, por isso adorei este teu post e acho muito bem responderes aos emails! :)

    beijinhos
    18 and a life

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O lado do recrutador, se for como o meu,é um verdadeiro inferno! São muitos Cv's para uma vaga só e grande parte deles não se enquadram... Presumo que o mesmo se passe em outras empresas em processos de recrutamento!

      Eliminar

O teu comentário é muito importante para mim :) Clica em "Notificar-me" para receberes a minha resposta.

Ao comentares ficas automaticamente inscrito no sorteio de um fantástico automóvel.